quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Carta Aberta ao Excelentíssimo Sr. Presidente da República Luis Inácio Lula da Silva




Por Rev. Adriano Gama

Esse meu post é para estimular os verdadeiros cristãos a honrarem o nome do Senhor Jesus e a ajudar o nosso presidente a ser mais cuidadoso com o uso do Nome do Senhor Jesus nas suas palavras ditas aos jornalistas.
Nesta manhã li no Jornal Folha de São Paulo (22.10.2009, pág. A 4) o artigo de autoria do jornalista Kennedy Alencar o qual foi capa e matéria principal do caderno “brasil” cujo o título era: ““No Brasil, Jesus teria que se aliar a Judas”, diz Lula”.

O título desse artigo é parte de uma declaração do presidente Luis Inácio (católico romano comungante) numa entrevista dada a Kennedy Alencar sobre as alianças políticas que o seu partido tem feito para se garantir no poder federal, seu apoio particular à ministra da Casa Civil Dilma Rousseff, e suas considerações acerca das críticas do ministro Gilmar Mendes (presidente do Supremo Tribunal Federal), que disse que o presidente Lula faz propaganda eleitoral pró-Dilma.
Acredito que o presidente Luis Inácio desejava com sua declaração enfatizar que para garantir a governabilidade o governante deve fazer alianças com partes extremamente opostas. Contudo, com todo respeito, o Sr. Presidente poderia utilizar outras ilustrações que mostrariam sua idéia e que evitaria sua blasfêmia contra o Senhor Jesus Cristo.
Sendo assim, senti-me no dever de escrever ao nosso presidente uma carta e a estimular outros reformados a fazer o mesmo. E como a declaração do Presidente foi algo público coloco para vocês o conteúdo de minha carta a ele.
Você pode e deve de modo respeitoso (guardando o Quinto Mandamento) escrever ao presidente acerca de sua declaração. Escreva sua mensagem no portal da Presidência da República (http://www.presidencia.gov.br/presidente/falecom/) e muito fácil e rápido. Assim você como cristão estará honrando o Nome de Jesus Cristo e ajudando o nosso Presidente a honrar Aquele que o colocou e o mantêm no poder.

Em Cristo Jesus, o Supremo Rei de todo universo

Segue a carta aberta:

Ao Excelentíssimo Sr. Presidente da República Luis Inácio Lula da Silva

Caríssimo Sr. Presidente,

Saudações,

Esta carta é pautada por todo respeito devido a V. Exª como presidente de nossa Nação. E, por isso, rogo que as palavras nela contida sejam tomadas nesse contexto.
Sr. Presidente, li nesta manhã no Jornal Folha de São Paulo (22.10.2009, pág. A 4) o artigo de autoria do jornalista Kennedy Alencar o qual foi capa e matéria principal do caderno “brasil” cujo o título era: ““No Brasil, Jesus teria que se aliar a Judas”, diz Lula”.
O título desse artigo é parte de uma declaração de V. Exª. que muito me entristeceu e acredito a todos os verdadeiros cristãos de nossa Nação. As palavras de V. Exª. na Folha de São Paulo foram as seguintes: “Se Jesus Cristo viesse para cá, e Judas tivesse a votação num partido qualquer, Jesus teria de chamar Judas para fazer coalizão".
Acredito que V. Exª. com essa declaração desejava enfatizar que para garantir a governabilidade o governante deve fazer alianças com partes extremamente opostas. Contudo, com todo respeito a V. Exª., o Sr. Presidente poderia utilizar outras ilustrações que mostrariam sua idéia e que não seriam uma blasfêmia contra o Senhor Jesus Cristo.
Sr. Presidente o Senhor Jesus Cristo é Aquele que colocou e ainda mantêm V. Exª. no poder e a quem todos os governantes da terra devem toda honra e toda glória. E, por isso, em nenhuma hipótese essa ilustração deveria ser usada por V. Exª..
Sendo assim, apelo respeitosa e amavelmente ao Sr. Presidente, com base na honra devida ao Senhor Jesus Cristo e na sua profissão de fé cristã, que o Sr. Presidente corrija tal erro, retratando-se diante de nossa Nação por tal declaração, reconhendo seu pecado contra o Nome do Senhor Jesus Cristo.
Lembro, humildemente, a V. Exª. que o Senhor Jesus Cristo vem julgar os governantes da terra. Ele pedirá de V. Exª., dentre outras coisas, contas de todas as palavras frívolas que saírem de sua boca.
Encerro desejando (antecipadamente) a V. Exª. um feliz aniversário neste 27 de outubro, dedicando ao Sr. Presidente as Palavras do Salmo 2 para sua meditação, a fim de estimulá-lo a viver os anos de sua vida para a honra do Senhor Jesus Cristo e colocando o governo de nossa nação à serviço e para glória dEle.
Que o Senhor Deus conceda a V. Exª. a Sua misercórdia em Cristo Jesus a fim de que pelo poder do Espírito Santo sua vida, seu governo e a nossa nação de fato sejam prósperos.


Respeitosamente,



Recife, 22 de outubro de 2009



Rev. Adriano Gama
Ministro da Palavra e dos Sacramentos
da Igreja Reformada do Brasil no Grande Recife

5 comentários:

Anônimo disse...

Esse post do reverendo Adriano é uma demonstração clara de como deve ser a atitude de um verdadeiro cristão diante de afirmações tão comprometedora e blasfema como a que foi considerada. Muito aprendi com o texto, e, além da objetividade e nitidez, gostaria de destacar e chamar a atenção dos leitores para o modo respeitoso e submisso com o qual o texto foi escrito, revelando um real cumprimento ao 5º mandamento da Lei de Deus, como nos ensinam as Sagradas Escrituras e as nossas confissões.
Cordialmente,
Gerson.

Anônimo disse...

Gérson,

Vamos orar e trabalhar para que os verdadeiros cristãos façam seu papel em nossa nação, a fim de que a presença do Senhor Jesus Cristo seja sentida em nosso Brasil.
Vamos orientar e chamar as autoridades instituídas a cumprirem seus ofícios e a viver para o serviço dAquele que as instituiu.
Estamos com saudades de você e de Klívia.

Que o Senhor Deus use você por aí.

Em Cristo,

Rev. Adriano

Ivan Fábio disse...

Pastor Adriano, fiquei muito feliz com a carta que o senhor enviou ao Presidente Lula. Como foi falado no comentário anterior, a carta foi escrita de modo respeitoso e submisso, ensinando aos leitores a observância ao 5º mandamento, mas também alertando (de uma forma cordial e amorosa) a blasfêmia contra o Senhor Jesus Cristo. Vamos orar para que o presidente leia a carta e se retrate para o próprio bem dele, também suplicando ao SENHOR, SANTO, SANTO, SANTO, que tenha misericórdia do presidente desta nação, lhe concedendo também o arrependimento para vida.
Um abraço fraternal,
Ivan Fábio

Anônimo disse...

"Diz o insensato em eu coração: "Não há Deus"(Salmo 14:1).

É difícil pensar que Sua Excelência seja realmente Cristão, já que ele tem se mostrado um fiel praticante do pensamento socialista.

Toma Sua Excelência as seguintes posições:
1) Apoia governos que limitam de forma nem um pouco cristã a propriedade privada, rompendo o oitavo mandamento (não furtará);
2) Faz parte de um Partido Político que quis expulsar os membros que fossem contra o aborto;
3) Assinou em 2001, no Foro de São Paulo, apoio a causa das FARC, apoiando indiretamente ó tráfico de cocaína, principal fonte de renda daquele grupo terrorista e responsável aproximadamente 45.000 brasileiros por ano (equivalente a mais de duas guerras do iraque em um ano);
4) Protege terroritas (ex. Cesare Batist), mas deporta esportistas cubanos, mesmo sabendo que poderão ser mortos ou maltratados;
5) É contra o trabalho honesto (ex.: nossos agricultores), mas é a favor de ociosos e saqueadores (exs.: bolsa família e MST).

Diante disso, creio que as palavras do Pr. Adriano, caso não haja conversão (e não só arrependimento), servirão somente para que Sua Excelência seja mais condenável diante de Deus no Dia do Juízo.

Sem mais,

2 de novembro de 2009.

CLEDSON.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.