sábado, 18 de outubro de 2008

Alegre-se, exulte e dê glória a Deus, pois são chegadas as bodas do Cordeiro

Sermão preparado pelo Rev. Adriano Gama sobre Apocalípse 19.6-9 para ser pregado na Santa Ceia do Senhor

Texto: Ap 19.6-9
Leitura: Ap 19.1-10

Amada Igreja do Senhor Jesus Cristo e visitantes,

“Cristo nos mandou celebrar esta ceia em sua memória. Nesta mesa nós lembramos que Jesus Cristo nos prometeu a alegria eterna. Aguardamos com grande expectativa a abundância desta alegria no banquete do Casamento do Cordeiro, quando Ele beber conosco o vinho novo no reino do seu Pai.
A Escritura fala em vários lugares sobre esta alegria na vida eterna. Como por exemplo em Apoc. 19, 6-10. Vamos esta passagem”
Havia passado mais de 50 anos desde do dia quando o Senhor Jesus Cristo estabeleceu a Santa Ceia e deu a promessa de voltar para Cear com os Seus discípulos no Reino do Seu Pai.
E foram mais de 50 anos não de sombra e água fresca para a Igreja de Cristo, mas anos de muita perseguição, especialmente, nos dias quando o Apóstolo João escreveu o Livro da Revelação (Apocalípse).
O Império Romano tinha se colocado contra a Igreja de Cristo, perseguindo os cristãos, confiscando seus bens, forçando muitos a negarem a Jesus Cristo, levando os cristãos fiés às arenas para serem devorados por feras, mortos pelos gladiadores, queimados em fogueiras, torturados nas prisões e exilados!
O próprio Apóstolo João estava sofrendo na pele esta perseguição terrível contra a Igreja. João quando recebe a revelação foi depois de ter sido queimado em óleo quente e está exilado na Ilha de Patmos.
Meus amados irmãos em Cristo, é muito fácil os crentes serem alegres no Senhor, quando se goza de tranquilidade e bem-estar na vida, mas manter alegria e exultação na Fé em Cristo quando estamos na fornalha da provação, perseguição e sofrimento: é-mais-quinhentos!
E o Senhor Jesus Cristo sabe da fragilidade da Sua Igreja e como ela esta sofrendo por causa do Testemunho de Cristo e, por isso, Jesus Cristo REVELA SEU EVANGELHO para manter a FÉ DA SUA IGREJA firme POR MEIO DESSE EVANGELHO!
E é isso que o Senhor Deus faz no capítulo 19 de Apocalípse. O Senhor Deus leva o Apóstolo João a ouvir os Aleluias , especialmente, o Aleluia que você leu nos vs. 6-9.
E esse Evangelho o Senhor quer proclamar a Sua igreja hoje neste culto, por isso, em Nome de Deus eu proclamo a todos o Evangelho de Cristo no seguinte tema:

Alegre-se, exulte e dê glória a Deus, pois são chegadas as bodas do Cordeiro

Veremos dois pontos:
1. Esse é o chamado no Cântico ouvido pelo apóstolo
2. Esse é o Evangelho escrito pelo Apóstolo

1. Alegre-se, exulte e dê glória a Deus, pois são chegadas as bodas do Cordeiro: Esse é o chamado no Cântico ouvido pelo apóstolo:

O Apóstolo João ouviu os louvores dirigidos ao Senhor Deus que derrubou e julgou Babilônia(a representação do mundo anticristão), vingando o sangue dos Seus santos. Agora em Ap 19.6 João ouve um outro Cântico:
O texto diz: “Então, ouvi uma como voz de numerosa multidão, como de muitas águas e como de fortes trovões, dizendo: Aleluia! Pois reina o Senhor, nosso Deus, o Todo-poderoso.”
João ouve não uma voz fraquinha, mas uma voz tão forte e espantosa que faria mudo o grito de qualquer arena lotada de ímpios vibrando por causa do sofrimento dos cristãos
E a voz (pelo contexto: vs. 4,5) é a voz todos os servos do Senhor pequenos e grandes, a voz da númerosa multidão que é a assembléia dos santos (Hb 12.22-24), ou seja, todos os servos de Deus, que estão vivos no céu como os que estão vivos na terra!
Estes servos levantam sua voz num grande coral de louvor ao Senhor Deus. A abertura do Cântico é: “Aleluia! Pois reina o Senhor, nosso Deus, o Todo-poderoso”.
Todos os Servos estão louvando o Senhor, o Deus da Aliança, pois eles cantam “Aleluia”. Essa palavra “Aleluia” se limitada aos Salmos (24 vezes) e no Novo Testamento só é usada no Livro de Apocalípse (4 vezes e somente no Cap 19 vs 1,3,4,6).
Aleluia significa “louvado seja Yah. Yah é um modo de abreviar o nome especial de Yahweh (SENHOR Deus da Aliança)”. Isto mostra que o Deus do Antigo é o mesmo Deus do Novo Testemanto: O Deus que foi adorado no passado é o Deus adorado no Novo Testamento.
O Deus que tem uma Aliança eterna com o Seu povo e que desde do Éden tem mantido essa Aliança de amor e confirmou a nova e eterna Aliança no Sangue do Seu Filho Jesus, o Messias, o Cristo, o Consumador da Aliança!
A Igreja no Aleluia é conduzida a confiar no Deus que em todos os tempos tem salvado e preservado sua Igreja da fúria dos inimigos!
Todos os Servos do Senhor louvam ao Deus da Aliança e o motivo desse louvor é: “Pois reina o Senhor, nosso Deus, o Todo-poderoso”.
João ouve que O SENHOR Deus da Aliança REINA sobre Sua criação mesmo quando, aparentemente, o diabo e o mundo anticristão (Babilônia) estão dominando as nações, perseguindo e matando os santos do Senhor (18.24).
Todos os servos do Senhor Deus cantam: Aleluia! Pois o Senhor reina! Assim os verdadeiros servos do Senhor confiam e louvam ao Senhor que Reina.
E esse Senhor que reina é “nosso Deus”! É o Deus da Igreja e dos poderosos seres celestiais que estão a serviço do Senhor e dos santos. E o Senhor Deus da Igreja reina, porque Ele é o Todo-poderoso.
Essa expressão Todo-poderoso (pantokratôr) em todo Novo Testamento aparece 10 vezes. Sendo que nove vezes somente em Apocalipse (1.8; 4.8; 11.17; 15.3; 16.7,14; 19.6,15; 21.22).
Você acha que o Espirito Santo usa acidentalmente 9 vezes o título Todo-poderoso em Apocalípse? Claro que não!
Meu irmão em Cristo, o que pode levar você a se consolar e não ser consumido pelo desespero no meio de tantos ataques do mundo anticristão contra a Igreja? O que dá a você a certeza e consolo da Vitória Final? A resposta é: Saber e confiar que o Deus da Igreja é o Todo-poderoso! O Todo-poderoso garante a VITÓRIA DO CORDEIRO DE DEUS E DA SUA ESPOSA!
E está Vitória é ouvida no Cântico como JÁ CONSUMADA, CONCLUÍDA (veja o v.7): “Alegremo-nos, exultemos e demos-lhe a glória, porque são chegadas as bodas do Cordeiro, cuja esposa a si mesma já se ataviou”. Agora veja o seguinte neste texto:
Primeiro: Os servos depois de louvarem a Yahweh no v. 6 convocam-se a se encherem de alegria, e se alegrarem sobremaneira e dar glória a Deus de uma vez por todas!
E o motivo desse autochamado é (veja o texto): “porque são chegadas as bodas do Cordeiro, cuja esposa a si mesma já se ataviou”
João ouve o louvor da multidão como se o casamento estivesse acontecendo naquele momento: Já chegou a hora do casamento! A festa e a esposa já estão preparadas!
Imagine como este louvor encheu de alegria o coração do Apóstolo que, por causa de Cristo, sofreu martírio e fora condenado para morrer isolado numa ilha cheia de pedras e feras!
João ouve o louvor que o conduz a ver a gloriosa vitória do Senhor Jesus Cristo e da Sua Igreja. Essa vitória é simbolizada na festa de casamento do Cordeiro com a Sua esposa!
Agora João pelo Cântico é também levado a ver e reconhecer que somente o Senhor Deus deve ser GLORIFICADO pela vitória da Igreja, pois o Cântico diz: “demos-lhe a glória de uma vez por todas!
Meu irmão em Cristo, quem merece a glória pela vitória da Igreja sobre o mundo anticristão NÃO É O HOMEM, MAS SOMENTE O SENHOR DEUS, NOSSO DEUS, O TODO-PODEROSO!
Assim, Jesus Cristo pela Revelação mostra que a vitória da Igreja em todas as épocas não ESTÁ NA MÃO DO HOMEM, MAS NA MÃO DO SENHOR DEUS! Este Cântico da multidão dos servos do Senhor é um louvor a soberania de Deus na Salvação e PRESERVAÇÃO do Seu povo!
E Cântico também mostra o modo pactual do Senhor Deus se relacionar com Seu povo. Note que no Cântico que Deus é glorificado também porque a esposa ataviou-se (v. 7b)!
Este “se ataviou” é a obra ativa da Igreja em se santificar, em viver a prática das boas boas que são frutos da verdadeira fé, obras conforme a Lei de Deus, de gratidão e que SOMENTE promovem a glória de Deus e bem do próximo!
O diabo e homens libertinos têm ensinado uma falsa doutrina da eleição, que retira dos crentes a RESPONSABILIDADE PACTUAL de se santificarem, de se prepararem para encontrar o Senhor Jesus Cristo!
Por isso, muitos ditos reformados têm vivido vidas de dar inveja a qualquer demônio: vidas cheias de pecados grosseiros, hipocrisia, inveja, inimizade, raiva, fofocas e impurezas!
Meu irmão em Cristo, o Espírito Santo revela na Escritura que a Igreja “já se ataviou”. O Espírito Santo quer estimular a Igreja de todas as épocas e, especialmente, nos momentos de provações a continuar na santificação!
Então, você tem se preparado, se santificado, para se encontrar com o seu Esposo, o Senhor Jesus Cristo?
Se você não está se preparando para o casamento, então, isto é um forte sinal que você não vai se casar com o Cordeiro, pois a verdadeira Esposa de Cristo se atavia, se prepara!
A esposa já se ataviou, ou seja, a esposa se vestiu para o casamento com o Cordeiro! Deus chama você a viver uma vida de santificação enquanto você está esperando o Seu Noivo, Jesus Cristo.
Agora, meu irmão em Cristo e visitantes, o fato da igreja se ataviar não dinimui a glória de Deus na Salvação. Sabe por quê? Porque a Esposa se atavia com vestimentas QUE FORAM DADAS A ELA (veja o v. 8)!
Ouça o Evangelho da JUSTIFICAÇÃO PELA FÉ SOMENTE sendo PREGADO no Cântico ouvido por João: A esposa se ataviou com as vestes que FORAM DADAS POR DEUS a ELA! E ESTAS VESTES SÃO OS ATOS DE JUSTIÇA QUE FORAM DADOS POR DEUS AOS ELEITOS!
A Igreja esta bem vestida e gloriosa no Cântico não por sua própria força, mas porque Deus deu a ela as vestes, os atos de JUSTIÇA! Se a glória FINAL da Igreja fosse uma parceria entre Deus e o homem, então, João NÃO teria ouvido: “demos-lhe a glória de uma vez por todas!
Meu amado irmão, até quando a Igreja se atavia, se santifica, não é a Igreja que merece ser glorificada, MAS SOMENTE O DEUS DA IGREJA DEVE SER GLORIFICADO! Por isso, todos os verdadeiros servos do SENHOR se autoconvocam a se alegrar, a exultar e dar A GLÓRIA DE UMA VEZ POR TODAS SOMENTE AO SENHOR DEUS!
O profeta Isaias diz em Is 61.10 que sempre se regozijará e se alegrará no Senhor Deus da Aliança, pois Ele o cobriu de vestes de salvação e o envolveu com o manto de justiça como noivo que se adorna de turbante, como noiva que se enfeita com as suas jóias.
O Apóstolo Paulo em Ef 2.10 diz: “Pois somos feitura dele, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais (as boas obras) Deus de antemão preparou para que andássemos nelas”!
E em Apocalípse João ouve no Cântico que: “Os atos de Justiça dos crentes são dons de Deus!”. A igreja é ativa na santificação, mas isto é uma obra do Espírito de Cristo, santificando a Sua Igreja para Si mesmo, Igreja gloriosa (veja isto em Ef 5.25-27).
Por isso, o Evangelho da Justificação pela ao mesmo tempo que chama a Igreja a se santificar, chama os filhos de Deus a se ALEGRIAR E EXULTA E A DAR GLÓRIA SOMENTE A DEUS!
E não tem como melhor glorificar a Deus que através de uma vida ATAVIADA, VESTIDA DE ATOS DE JUSTIÇA! Quando a Igreja se santifica, quando os santos praticam atos de justiça, O NOME DE DEUS E DO SENHOR JESUS CRISTO É GLORIFICADO NA TERRA E NO CÉU!
Por isso, meu irmão em Cristo, se atavie, mesmo debaixo de toda perseguição do Mundo anticristão, no meio das tribulações e tentações desta vida conturbada, continue, POR AMOR e PELA GRAÇA DE DEUS, se preparando para o casamento com o Cordeiro, pois João ouviu como certo: “são chegadas as bodas dos cordeiro e a esposa já esta ataviada!”

2. Alegre-se, exulte e dê glória a Deus, pois são chegadas as bodas do Cordeiro: Esse é o Evangelho escrito pelo Apóstolo

Veja o v. 9: Então falou o anjo: Escreve: Bem-aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E acrescentou: São estas as verdadeiras palavras de Deus”.
João recebe uma ordem : “Escreve”. Isto mostra que o desejo de Deus é que Sua Revelação seja ESCRITA!
O Senhor Deus mandou Moisés e os profetas a escreverem as Escrituras do Antigo Testamento! O Espírito Santo moveu os apóstolos e outros escritores a escreverem a Escritura do Novo Testamento!
E veja que o Apóstolo João abre o Livro que tem por nome REVELAÇÃO (APOCALÍPSE) dizendo: “bem-aventurados aqueles que lêem e aqueles que ouvem as palavras da profecia e guardam as coisas nela escritas, pois o tempo está próximo!
O Desejo de Deus é falar e guiar o Seu povo de modo ESCRITO! E a felicidade da Igreja é ler, ouvir e cumprir foi Escrito na Escritura! Por isso, João recebe a ordem: ESCREVE!
A igreja deve se proteger de qualquer movimento que defende e fala de revelações fora da Escritura! Pois hoje esse tipo de movimento é contrário ao desejo de Deus comunicar e guiar o Seu povo na Sua verdade!
Se fosse vontade de Deus continuar guiar e levar o consolo em Cristo por meio de revelações for a da Escritura não teria ordenado aos profetas e profetas, e especialmente, a João ENCERRAR A PROFECIA DE APOCALÍPSE E PROMETER MALDIÇÕES AOS QUE ACRESCETAREM NOVAS REVELAÇÕES À ESCRITURA (veja Ap 22.18,19).
O Apóstolo recebe a ordem: Escreve: “Bem-aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro”! O versículo 9 serve como uma conclusão dos vs. 6-8 e é a Boa Notícia que Deus quer fixar na mente da Sua Igreja que vive a Tribulação aqui na terra.
Esse Evangelho ESCRITO é muito importante para ser manifestado à Igreja, porque no tempo de João os bem-aventurados, os felizes, pareciam ser aqueles que gozavam da amizade do mundo anticristão, os felizes pareciam ser aqueles que estavam fora de Cristo e abandonando a Cristo Jesus!
O Espírito Santo diz à Igreja: Os verdadeiros felizes são os santos que “são chamados à ceia das bodas do Cordeiro!” Esses chamados são todos os servos do Senhor aqui na terra, que fazem parte de todos os servos do Cântico, que são a Esposa ataviada, linda e reluzente, que são os mesmos santos vistos no v. 7 e 8.
E Deus firma o Evangelho Escrito quando acrescenta no v. 9: “São estas as verdadeiras palavras de Deus! Esta última frase serve como um AMÉM, como a garantia para à Igreja que é verdade aquilo que ela acaba de ouvir do Apóstolo!
Meu irmão em Cristo, o Espírito Santo no Evangelho Escrito diz que você é bem-aventurado, por isso, pode em meio as tribulações chamar a sua alma a SE ENCHER DE ALEGRIA, A ALEGRAR-SE SOBREMANEIRA E A GLORIFICAR DE UMA VEZ POR TODAS ao Senhor Deus que reina, o nosso Deus, o Todo-poderoso!
Meu irmão em Cristo, pode o mundo anticristão com toda sua fúria e malícia tentar você a pensar que SEUS SOFRIMENTOS PELO TESTEMUNHO DE CRISTO fazem você uma pessoa infeliz, mas ouça o Evangelho do Cordeiro de Deus: “Bem-aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro”!
O que João escreve são as palavras verdadeiras de Deus, por isso, a igreja na terra em meio as perseguições e sofrimentos pode se alegrar e alimentar a ALEGRIA ETERNA, pois aqui a Igreja já começa a participar da ceia do casamento do Cordeiro. Agora onde a Igreja começa a participar desta Ceia?
Veja A MESA diante de você! A Ceia que você participa neste culto é o começo da grande CEIA DA DO CASAMENTO do Cordeiro.
O Senhor Deus chama Sua Igreja a ceiar aqui na Terra na expectativa da Ceia do Casamento do Cordeiro que acontecerá no Céu! Não perca essa expectatica, ou seja, a esperança na PROMESSA DE ALEGRIA ETERNA QUE JESUS CRISTO DEU A VOCÊ!
Jesus Cristo na noite que foi traído estabeleceu o sacramento da Santa Ceia e deu a seguinte promessa a Igreja (Mt 26.29): “E digo-vos que, desta hora em diante, não beberei deste fruto da videira, até aquele dia em que o hei de beber, novo, convosco no reino de meu Pai.”
O Apóstolo João profeticamente ouviu o cumprimento dessa promessa de Jesus no Cântico e Escreveu no Livro de Apocalípse esse Evangelho para a Igreja.
Então, como você não pode se alegrar, exultar e dar glória a Deus pela Sua vitória que será consumada no Retorno do Senhor Jesus Cristo? O Noivo JÁ chamou você para ser membro da Sua Igreja e chama você à Sua Ceia!
E a Igreja toda vez que celebra a Santa Ceia proclama ao mundo a Vinda do Noivo! Jesus Cristo está vindo, para cumprir a Promessa dada a Sua Igreja e selada no Sacramento!
Não perca a alegria e exultação da vida eterna, a expectativa da vinda do Seu Seu Esposo, continue glorificando ao Senhor Deus da Aliança, testemunhando de Cristo.
Você pelo Evangelho foi chamado por Cristo e, por isso, em Cristo, você é BEM-AVENTURADO! Por isso, venha a Ceia, vem provar o começo da bem-aventurança, o começo da alegria, exultação e glorificação eterna que Cristo prometeu a todos os Seus servos! Amém.

2 comentários:

Anônimo disse...

Rev. Adriano,

Fico feliz pela oportunidade de poder ler essa mensagem postada. Confesso que fui ricamente edificado e exortado com as palavras que li. Que o Senhor Deus continue lhe iluminando ao proclamar as verdades eternas do evangelho da Graça.
Gerson Júnior.

Rev. Adriano Gama disse...

Amado Gerson,

Continue firme no Senhor Jesus. E que o Espírito Santo, segundo a vontade dEle, use este site para edificar você e sua esposa.
Continuamos a orar por vocês.
Fraternalmente em Cristo,

Rev. Adriano